Um Blog para escrever o que me vai no coração, inspirado num blog de um amigo e com o incentivo dele.

11
Jul 15

Escrever faz-me bem!

Escrever liberta-me. A escrita é a minha mais confidente de todos os tempos, dos bons momentos e dos maus momentos! Não são as palavras que me ajudam, mas sim a escrita dos sentimentos, das razões, das alegrias e desilusões que me libertam, me ajudam a olhar de uma forma mais positiva para a vida.

Afastada da escrita faz tempo e tenho vindo a perceber que necessito dela mais do que nunca.

Na minha cabeça correm frames a cada instante de segundo, frames que me fazem lembrar e relembrar tanta coisa, são tantas as memórias. Neste momento da minha vida tenho o que desejei e também tenho o que nunca desejei! Estranho, não é?! De facto, é estranho mas também muito real. E por ter esta consciência comigo, pergunto-me muitas vezes o porquê de assim o ser, o porquê de ter de passar por determinadas situações, o porquê de os meu maiores desejos me fugirem por entre os dedos e os meus maiores medos se agarrarem a mim como se fossem ventosas.

Começam a escassear as lágrimas, e isso não é um bom sinal! É sinal de que um dia vou acordar e sentir que nada do que tenho poderá ser realmente importante, e abandonar estas vestes! E sim, também tenho medo deste meu estado!!!

publicado por Joaninha às 19:56

09
Ago 14

Hoje é o dia mais importante das nossas vidas!

O dia que escolhemos para nos unirmos e começarmos uma nova etapa na nossa vida, uma vida a dois, uma vida nossa!

 

A ti que te escolhi para seres o meu marido,

Obrigada pela dedicação que me tens, pelos momentos de riso e sorriso que até agora me proporcionaste, por tudo o que mudaste em mim, pela paciência, pelo apoio nas minhas piores e melhores decisões. Obrigada por pegares em mim, por me enxaguares as lágrimas, por acreditares em mim, por aceitares o meu mau feitio, por gostares de mim como sou com todos os meus defeitos e qualidades, por seres quem és comigo, por seres quem és para mim!

Obrigada por este dia tão simples e tão lindo!

 

 

publicado por Joaninha às 20:05

27
Abr 14

Gota de sal

 

Emerge a vontade de mudar

A vontade de crescer, de ser verdadeiramente adulto

De assumir a responsabilidade da vida, as consequências das escolhas.

De repente,

Emerge aquele sentir do sal

O sal que corre pela face esbranquiçada

Custa a soltar-se,

Mas depois de solta, ela desliza

Atrás de uma vem outra e mais outra

É salgada e amrga

Arrasta consigo um toque triste da impotência

Um toque de sentir a realidade cruel do imediato

É aquela gota de sal que em instantes rola

Rola porque é assim que olhos falam dos sentimentos do coração!

publicado por Joaninha às 13:10

03
Jul 13

Que horas estas....

 

Que horas estas que me fazem pensar

Que me fazem refletir

Horas que provocam o cair de lágrimas

Lágrimas que não queria sequer sentir

Que horas estas escuras

Horas negras da noite

Horas pouco iluminadas

Horas com um sentido diferente

Que horas estas que não gosto

Que horas estas que me transportam à memória

Uma memória que guarda

Uma memória de memórias

Que horas estas que queria não viver

Horas sem sentido

Horas que me fazem sofrer

Que horas estas...

 

 

http://www.youtube.com/watch?v=CtV6G6Xp0Xc&list=FLUyY9idc3ddHEV-vxusYVYQ

publicado por Joaninha às 02:28

06
Jun 13

Dias...

 

Existem dias que me tiram tudo

Dias que já têm o seu destino marcado mesmo antes de nascerem

E que dias são estes

Em que dias se tornam

Revelam-se dias de pura desilusão

 

Por mais que se faça nada é correto, nada é perfeito. Por mais que se tente existem sempre as ideias pré concebidas. Existem pessoas que por muito que tenham um título de graduação académica, são pessoas más, vazias de tudo, sem qualquer pingo de conhecimento puro. Pessoas que duvidam de tudo e de todos. E isto leva-me a questionar se o que muitas faço e pelo que luto vale mesmo a pena. E será que vale mesmo a pena?! Será que não seria preferível mudar a direção?!

Tantas perguntas que me invadem a cabeça neste momento. Tantas perguntas que tenho e respostas nenhumas!!!

Se por instantes tenho a maior vontade de discutir, de bater, de sair a correr. Por outros instantes esmureço e acho que um dia o sol ao brilhar vai abrir o caminho e vai limpar da minha vida tudo que me tira a paz, o brilho, o sorriso!

Hoje só a vontade de chorar me invade, estou assim para o desiludida e com aquela sensação de que nada valeu de nada.

E agora penso, mudava alguma coisa?! Sinceramente, acrescentava qualquer coisa. Tinha discutido quando devia ter sido, no devido momento e na devida altura. Não tinha sequer aceite faltas de respeito a 2ª vez!!!

Cambada de gente mal formada!!!

publicado por Joaninha às 22:52

27
Abr 13

O caminho é longo....
Após iniciada a viagem à que a agarrar com tudo e chegar ao fim. É uma viagem com um bilhete, ida! A volta será a recompensa pelo esforço, dedicação e frontalidade com que se enfrentam os obstáculos. Um corredor também tem muitas barreiras, por vezes cai, mas logo de seguida levanta-se e tenta sempre terminar a volta. Portanto, corrida que é corrida, é para cortar a meta.
Na caminhada muitas vezes nem apetece levantar, não apetece falar, não apetece sorrir, mas é necessário contrariar as vontades do corpo e pensar na meta. Está quase, e falta apenas o quase! É um quase que faz suar, mas depois já posso relaxar. Nesta caminhada nem tudo é belo, nem tudo é transparente, nem tudo é um arco-íris com muita vida, existem momentos escuros, momentos obscuros, palavras mal ditas... mas nada pode, nem deve deitar por terra os objetivos. À que olhar em frente!
Após tantos dias doente, ainda há quem não perceba porque hoje sorrio! É de admirar, mas também quem se questiona ainda não me conhece a 100%. Sou muito mais do que o que me mostro ou o que me dou. Sei um pouco de muito e pouco de uma só coisa! Tenho olhos miradores e ouvidos captantes. Pareço estar distraída mas percebo tudo que se passa. Como diz uma amiga, sou assim mas sei bem o que quero. E lembro-me desta frase muitas vezes, é uma frase que me move quando estou mais em baixo. Agora, que já estou nos quartos de final vou-me agarrar a tudo para cortar a meta. E, depois desta meta terei outra, e outra, e outra, e todas elas terei de passar.
Na vida, poucas foram as vezes que me dei por vencida, e posso mesmo dizer que não gosto de sair derrotada.
Sim, estou feliz e a sentir que o sol me está a ajudar imenso :)
Só posso dizer, "está quase" ;)

publicado por Joaninha às 14:41

01
Mar 13

Dias...

 

Existem dias em que nada corre bem

Dias em que parece que tudo está ao contrário

Tudo está do avesso

Em que os sapatos estão nas mãos

E as luvas nos pés

Dias em que o esquerdo é o direito

E o direito é o esquerdo

Dias...

Dias que simplesmente considero horríveis!

Desejava nunca ter destes dias

Desejava que os dias fossem apenas sol

Sol no tempo

E sol na vida

Fossem apenas lua cheia à noite

Que as estrelas iluminassem o caminho

E me ajudassem a encontrar respostas

Os dias em modo de utopia!

Estes dias seriam sorrisos e gargalhadas

Seriam corpos belos e olhos rasgados

Seriam luz dos meus olhos!

A Luz dos meus olhos é bem pequenina

Tão pequenina que nem se apercebe

Pequenina de tamanho

E pequenina na vida

Mas é uma Luz muito forte na minha vida

É uma Luz que me enche de alegria

Mas que por vezes me enche de medos

Esta Luz dos meus olhos é tudo,

É o meu Mundo!

Desejo que esta Luz esteja sempre feliz e bem pertinho de mim,

Porque simplesmente a Adoro e é sem explicação!

Se dependesse de mim tudo era alegria e boa disposição,

Não existiam caras feias,

Nem mal humorados,

Todos seriam a serenidade perfeita!

A utopia!

 

 

http://www.youtube.com/watch?v=1p_ebSseEq8&feature=share&list=FLUyY9idc3ddHEV-vxusYVYQ

 

publicado por Joaninha às 21:22

09
Jan 13

Hoje de quase tudo me lembrei

O dia esteve em modo difícil

Sei que preciso de movimento

Preciso de loucuras

Risadas e gargalhadas

Preciso dos meus amigos

Preciso de fazer o que gosto

Babes saudades do nosso andanças

Vi fotos e senti saudades das parvoíces

Saudades das voltas e até de ralhar

Passei por registos da Lomba

Saudades do bonequinho imaginário

e da caipi potente

Saudades das cavalitas do meu amor

Saudades do calor transformado em frio

Tudo recordações

Tudo coisas boas

Tudo que eu preciso!

publicado por Joaninha às 23:14

26
Dez 12

Dias de festa!

 

Sinceramente, já gostei mais destes dias e destas épocas! Gostava de quando era criança e existia a magia de abrir presentes. Hoje nada disso existe, e tudo é mais frio.

Agora não existe espírito nem a mínima vontade de viver as épocas das mesas cheias de doces e coisas boas.

Sinceramente, já gostei mais. Hoje tento ficar indiferente, mas mesmo assim há sempre um vazio! Nestas épocas fico mais triste, são dias em que parece que me falta algo, falta qualquer coisa.

O dia 24 e 25 são como o domingo, não gosto!

Vem aí o Ano Novo, e como será?! Nem eu sei, não existem planos e só isso já me faz pensar que vão ser dias chatos. Também não sei o que vou comemorar, até porque entra o novo ano e as despesas aumentam, o volume da carteira diminui. Vou brindar a quê mesmo?!

Sinceramente, eu queria era apenas férias e não ter preocupações. Acreditem que era feliz! Assim era feliz!

publicado por Joaninha às 18:57

24
Out 12

Existem dias que nascem cheios de luz e terminam cinzentos, hojé foi esse dia!

 

Por vezes penso se estou a fazer as coisas certas. Digo certas porque são os meus desejos de sempre e porque sou teimosa não os larguei nunca! Penso porque existem pessoas que têm o dom de nos fazer desacreditar no que quueremos, pessoas más e pobres de espírito.

E porque assim é recordei-me de como era com 7 anos, e como era com 12 e depois com 17 e hoje pergunto-me porquê, porquê que as pedras existem e teimam em se colocar no nosso caminho?!

 

Estou assim para o perdida, como um barco à deriva!!!

publicado por Joaninha às 00:50

Julho 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO