Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

moveon

moveon

Será que um dia...

Será que um dia me vais deixar chegar até ti...
vais abrir o teu mundo para que eu o deslumbre...
vou bater à porta e do outro lado estará o teu olhar brilhante...
vou-te falar e vais ouvir com todos os sentidos...
Será que algum dia vais ter a vontade de saltar o muro do meu mundo...
a tua curiosidade vai tornar visível um sentimento...
vais encontrar o rastilho...
vais ler os meus sonhos através dos meus lábios...
Será que não estarás no futuro, no destino?!

A saudade do olhar, da voz, do beijo é o que permanece dia após dia!

Beijos

Será que um dia...

Será que um dia me vais deixar chegar até ti...

vais abrir o teu mundo para que eu o deslumbre...

vou bater à porta e do outro lado estará o teu olhar brilhante...

vou-te falar e vais ouvir com todos os sentidos...

Será que algum dia vais ter a vontade de saltar o muro do meu mundo...

a tua curiosidade vai tornar visível um sentimento...

vais encontrar o rastilho...

vais ler os meus sonhos através dos meus lábios...

Será que não estarás no futuro, no destino?!

 

A saudade do olhar, da voz, do beijo é o que permanece dia após dia!

 

Beijos

:'(

Boa tarde,

 

Hoje é com tristeza que venho a este meu espaço...

Sinto em mim uma enorme tristeza, uma tristeza tão grande que bloqueia a possível queda de lágrimas!

Hoje pensei muitas vezes porquê que existe dor!

Podemos ver desgraças, catástrofes pelo mundo fora, mas quando algo de triste acontece ao nosso lado, as coisas são sentidas de uma forma bem diferente.

Juntamente com a minha tristeza talvez impere uma revolta. A revolta de dizer "porquê que nas escolas não existe um médico, um enfermeiro, dotados de meios rápidos de assistência?! Why?!"

Apenas posso escrever, a tristeza passará com o tempo, pois o tempo cura, devagar mas cura!

 

Fiquem bem

Tentem ser felizes

Incertezas

Olá

 

Se eu utiliza-se este espaço para mostrar a minha ira, a minha indignação para com as pessoas que me rodeiam?!

Se eu utiliza-se este espaço mostrar que também existem pessoas incríveis?!

Se eu utiliza-se este espaço para revelar os meus sonhos, as minhas vontades, as minhas decisões....

 

De certo que passaria a ser um espaço mais "aberto" no qual poderiam ver a minha vida espilhada!!!

Mas estes textos todos que vou escrevendo têm a sua razão de ser, têm o seu lado verdadeiro, mostram muitas vezes o que está por aí escondido, e tentam de alguma forma libertar o meu corpo...

 

Neste meu blog já dediquei muitos textos, já escrevi textos dirigidos a pessoas em concreto mas sempre tentei que os seus nomes não ficassem por aqui. Mas acreditem que essas pessoas os lerem percebem que o texto é para elas, que no fundo é delas!!!

Tento neste meu refúgio deixar aqui um pouco de mim, dos meus pensamentos mas sei que nem sempre o faço da forma mais clara... Existem muitos textos escritos à mão num livrinho bem escondido, e esses sim são os textos mais realistas... :)

 

Poderia hoje, aqui dizer o quanto te adoro mas falta-me a certeza. Podia dizer que te amo mas não tenho coragem. Podia dizer que te odeio mas estaria a mentir. Podia dizer que te conheço como a palma da minha mão mas não te mostras. Podia dizer que és perfeito mas seria apenas aos meus olhos. Podia dizer que me completas mas sei que falta muito pa ver isso. Podia dizer que és um mimo mas apenas te ouvi. Podia dizer que a tua voz me inquieta mas já nem dela me lembro bem. Podia desmentir isto tudo mas sei que me estava a enganar a mim e a ti. A pura confusão está dentro de cada um de nós, tu com a tua confusão e medo e eu com as minhas incertezas que em momentos são as maiores certezas desencontradas!!!

 

Queria poder dizer que os anos pares são como os anos ímpares, mas estaria a mentir, pois olho para trás e consigo perceber que os melhores anos da minha vida foram os ímpares, foram nesses anos que as maiores decisões surgiram e os sorrisos mais belos se descobriram :D

 

Mas... faz de 2010 um ano especial, traz até mim o lençol e diz que me amas!

 

Boa noite

Perdida...

Sinto-me perdida...

 

Não faço ideia de como nem porquê... Sei que tenho pensado muito na vida, na minha vida em concreto...

2010 chegou e com ele trouxe um pequeno saquinho de surpresas. Sinceramente não contava com elas, mas chegaram até mim, e não eram as que eu mais queria e as que mais desejava!

As 12 passas apenas pediam felicidade e um amor... O saco ainda não me deu nenhum dos dois pedidos... Quando retiro mais uma carta apenas aparecem problemas, e a cada instante tenho mais vontade de desaparecer, e a saudade aumenta e aumenta e eu de dia para dia sinto-me mais perdida neste mundo. Chego a pontos de não saber o que ando aqui a fazer, porquê que ainda aqui estou! Os meus problemas são e serão sempre meus e só eu conseguirei lidar com eles... mas não haverá uma forma melhor de resolver tudo?! Não haverá uma poção mágica que me faça esquecer momentos e pessoas?! Não terei eu a oportunidade de abrir um verdadeiro sorriso?! Isto cansa, estes dias são aborrecidos e eu apenas queria estar aqui em dias de sol...

Um dia sonhei... mas nunca passou de um sonho! Segundas oportunidades não existem, isso é um engano. Mas não fiz nada de mal ao ponto de tanta indiferença e distanciamento. Se soubesses como isso me entristece! Mas também não sei como lutar contra o vento ou contra a maré... sinto-me fraca demais para tal coisa... o meu coração só de sentir fica pequenino e apertadinho, na barriga fica um concentrado de ansiedade de nada poder fazer, e apenas digo "que ódio, que raiva"!

Olhar as tuas fotos faz-me lembrar tanta coisa, sinto o teu cheiro, a tua respiração, consigo ouvir a tua voz no meu ouvido... e os olhos enchem-se de lágrimas... olho à volta para que sequem e nem pensem em cair mas há sempre uma fugitiva que escapa... querer-te da forma como és é o meu maior desejo, um desejo que ficará em sonho porque tudo o resto me foi negado.

Pág. 1/2

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D